Morte na Mesopotâmia

2016-04-05 (6).png

Olá gente maravilhosa…

Hoje é o dia da resenha coletiva do Quatro por 4. E no mês de março lemos “Morte na Mesopotâmia da Agatha Christie, grande Agatha!

Em abril será lido “A menina Submersa” da Kiernan, Caitlín R.

É pessoal parece que em abril vamos inundar num clima de suspense pra terror. Nada como dar uma agitadinha no cérebro, não é  mesmo?

Então, fique ligado!  ABRIL -2016.

a_menina_submersa

2016-03-01 (10)

2016-04-05 (5).png

2016-03-01 (5)

2016-04-05 (4).png

Morte na Mesopotâmia é um daqueles suspenses sagazes e que você quer descobrir logo o que irá acontecer. Ao longo da narrativa, os acontecimentos ficam cada vez mais empolgantes e você começa a suspeitar de tudo e de todos, mas apenas um é o culpado, e este se apresentará de um modo um tanto surpreendente, ou não. O que achei muito curioso foi o fato da história ser contada a partir do ponto de vista de uma enfermeira, que não fazia parte da expedição, e que, a meu ver, deixou tudo mais instigante. A leitura é envolvente e fará com que você faça vários questionamentos que serão difundidos com maestria no desfecho.

2016-04-05 (3).png

Eu nunca tinha lido nenhum livro da Agatha Christie até então e confesso que nunca tive interesse também. Quando o autor é muito idolatrado eu costumo desconfiar da qualidade da obra, mas admito ter gostado da história, apesar de não ser o o meu gênero favorito de leitura.  A história é bem escrita apesar tem uma linguagem bem formal, com palavras um pouco complexas e a leitura não é muito ágil. E começa contando a história da enfermeira Amy, que foi contratada para cuidar de Louise, esposa de um arqueólogo. Subitamente,
Louise é encontrada morta em seu quarto e então começa uma trama intrigante para descobrir quem a havia assassinado. Um detetive é contratado e ele vai fazendo interrogatórios e tentando chegar a alguma conclusão sobre o assassino. Você se prende bastante nessa parte tentando adivinhar e no final se surpreende até, mas as partes com “encheção de linguiça” dão uma desprendida na atenção. Por fim, indico a leitura pelo bom desenvolvimento da trama e do mistério.
2016-04-05 (2).png

Sou fã incondicional de Agatha Christie. Por incrível que pareça, o último livro dela foi a minha primeira leitura, aos treze anos e não parei mais. Agatha é a rainha do crime e não é para menos. Não só um, mas grandes clássicos têm sua assinatura e eu os convido a ler todos eles sem medo. Confesso que “A Morte na Mesopotâmia” é um bom livro e mesmo sendo bem escrito e  com certa dose de suspense, não chega aos pés de suas grandes obras, o que é compreensível para uma autora de mais de 80 livros escritos.

A linguagem é objetiva, como sempre. O enredo é linear, embora haja certa digressão em meio a trama. Os personagens são bem colocados e o desfecho tem sua lógica. Compararia este livro, para quem leu Agatha Christie, com “A Noite das Bruxas” por ser uma história cativante e criativa, porém mediana.

2016-04-05 (1).png

Adoro ler Dexter e fui ler Agatha Christie com essa expectativa! Sempre ouvi dizer que ela é a rainha do crime. E penso que de certa forma é algo próximo disso. Pra mim foi uma leitura fluida e rápida, lembrei bastante da minha adolescência, da qual gostava de assistir “As aventuras de Tintin”.

Morte na Mesopotâmia é um livro que pode ser lido por crianças, adolescente e adulto. Possui uma linguagem clara e um enredo bem linear. O livro é narrado em primeira pessoa, neste caso, a enfermeira Amy Leatheran que está a trabalho no Iraque é por obra do destino convidada para acompanhar a Sra. Leidner que aparenta sofrer de alguns sintomas nervosos. Os Leidner estão numa expedição arqueológica com uma equipe de profissionais, todos morando juntos numa sede na cidade de Tell Yarimjah.

Neste lugar um crime acontece. Todos são suspeitos. Todos têm motivos. E um investigador muito carismático (lembra um pouco Sherlock Holmes) está a passar por ali e aceita o desafio. Quem é o assassino?

2016-03-01 (5)

Bom Pessoal, é isso! Espero que curtam a dica de leitura. Ler é sempre uma aventura incrível…

 

2016-03-01 (11)

Anúncios

Sobre laynnecris

Sou Elaine C. Andrade. Hoje (2017) tenho 38 anos. Sou apaixonada pela leitura e por escrever. Sou formada em Pedagogia e pretendo me especializar em Inglês, alfabetização e gestão escolar. Tenho uma fascinação por músicas e Inglês. Atualmente tenho me dedicado muito na busca da fluência e sou professora alfabetizadora em Inglês. Minha meta é passar no exame da IELTS e talvez morar fora um tempinho. A leitura é para mim um meio muito prazeroso de poder atingir locais e lugares inimagináveis, além de ser uma terapia e uma fonte de conhecimento sem fim. E quando aprendemos nos proporcionar esses momentos para entretenimento, ler torna-se uma atividade necessária para o dia a dia. Também gosto de desenhar, colorir, ouvir músicas. No entanto, faço com menos frequência (só quando surge aquela vontade enorme ou sobra um tempinho). Agora ler nunca estou sem ler algo e onde vou tenho um livro comigo. Me sinto mal se não posso ler. É uma necessidade. Embora ultimamente tenho lido mais livros técnicos e materiais em Inglês. Nasci em Suzano e atualmente moro num bairro de Mogi das Cruzes e estou aprendendo a me adaptar por aqui. Também adoro participar de comunidades de leitura no facebook e canais literários do youtube. Conhecer pessoas, descobrir novos talentos e as vezes encontramos pessoas muito maravilhosas. Enfim, sou uma mulher e profissional comprometida e apaixonada pelo que faço, amo minha minha família e amigos mais que tudo neste mundo. "Que aonde eu passar eu faço amigos e possa agregar valores e aprender também". Laynne Cris
Esse post foi publicado em Quatro por Quatro. Bookmark o link permanente.

6 respostas para Morte na Mesopotâmia

  1. Juliana Lima disse:

    Lay arrasando, como sempre, nos posts.
    Espero que o próximo seja bom, pena que não vai ler 😦 ,mas li que ganhou alguns prêmios.
    Oremos!
    Beijinhus

    Curtido por 2 pessoas

  2. Pingback: TAG: 25 fatos literários sobre mim | Devaneadora de Ideias

  3. Lay como sempre arrasando nos seus modelos de post *-* simplesmente adoro!! E ai, eu também estou em uma correria por aqui, que é prova que não acaba mais e simulados de sábado que meu Deus, mas logo tudo isso passa hehe e fiquei muito curiosa para a leitura deste livro :))
    Um grande abraço e um beijão ❤

    Curtido por 1 pessoa

    • laynnecris disse:

      Que nada Nath… fiz tão rápido… não tive muito tempo pra fazer o meu melhor… Mas, é verdade… a vida é cheia de surpresas… e eu gosto da minha, apesar de às vezes ter ser difícil abrir mão de certas coisas… Um grande beijo pra você e sucesso!

      Curtido por 1 pessoa

Sua opinião é muito importante para mim! :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s