Jane Austen – 240 anos

aniv JA

No dia 16 de dezembro de 1775, nascia em Hampshire, na Inglaterra uma das mulheres que se tornaria um ícone internacional para muitos.

Faz exatamente 240 anos que a filha do reverendo George e de Cassandra Austen dava seus primeiros suspiros para um mundo, o primeiro passo para a imortalidade.

“Noite passada chegou a hora e, sem muito aviso, tudo terminou rápida e alegremente”, escreveu o reverendo George Austen, em 17 de dezembro de 1775. Na noite anterior sua esposa havia dado à luz, sem complicações, a sétima criança do casal, Jane.” (REEF, 2014, p.27).

Jane Austen é a segunda filha de sete irmãos. E seu envolvimento com a escrita e a leitura deu-se por influência do pai.

George Austen era tutor e recebia jovens que moravam em sua residência a fim de receberem uma educação formal. A casa dos Austen possuía uma excelente biblioteca, onde Jane teve permissão para usar após seu retorno de um internato, do qual voltou doente.

Na adolescência Jane escrevia comédias e romances epistolar, essas obras escrita na sua juventude são conhecidas hoje como contos de Juvenilia. Com dezenove anos, Jane escreve seu primeiro romance, Lady Suzan, escrito em estilo epistolar.

Conhecida entre os seus como a gentil tia Jane – “Tia Jane era o deleite de todos os seus sobrinhos e sobrinhas”, comenta o sobrinho Edward na primeira biografia conhecida de Jane Austen.

Pouco é o conhecimento que se tem acerca da vida de Jane Austen, grande parte de suas cartas pessoais foram destruídas a seu pedido pela irmã Cassandra assim que ela faleceu. Dos 20 anos até quase próximo do dia de sua morte Jane escreveu, entre seus escritos são conhecidos e publicados:

Romances publicados

  • Sense and Sensibility (1811) (não tem resenha, li faz anos e quero reler)
  • Pride and Prejudice(1813) (Resenha aqui)
  • Mansfield Park(1814) (não tem resenha, li faz anos e quero reler)
  • Emma(1815) (Resenha aqui)
  • Northanger Abbey(1818) – póstuma (Resenha aqui)
  • Persuasion(1818) – póstuma (Resenha aqui)

Romances curtos

  • Lady Susan(1794, 1805) (faz tempo que li, vou reler pra fazer resenha)
  • The Watson(1804) (incompleta, sua sobrinha Catherine Hubback a finalizou, publicando-a como The Younger Sister, na metade do século XIX). (vou ler – comprei recentemente o livro – Novelas Inacabadas)
  • Sanditon(1817) (incompleta) (Está incluso em Novelas Inacabadas)

 

Juvenilia ou obras da juventude

  • The Three Sisters
  • Love and Freindship(sic). (1790). Esta falha ortográfica no título (*Freindshipem vez de Friendship) é famosa entre os estudiosos.
  • The History of England(1791)
  • Catharine, or the Bower
  • The Beautiful Cassandra

Obs.: O livro escrito pelo sobrinho de Jane  (James Edward) tem vários destes contos.

 

Estilo Jane Austen

 

Jane Austen retrata em seus romances a vida e a sociedade de sua época. Críticos declaram que a característica mais marcante no estilo de sua escrita é a verossimilhança com a realidade. E essa característica é uma das quais me fizeram gostar muito de ler Jane Austen, além desta impressão realística da cultura, das famílias, da cidade, dos costumes que encontramos ao acompanhar as famosas famílias fictícias da autora, sua escrita é totalmente carregada de uma ironia e de sarcasmo. É impossível não amar ou odiar suas criações. Seus personagens são genuínos que chegamos a acreditar que são realmente pessoas reais e que Jane é de alguma forma uma personagem também de seus romances.

O romance que mais me divertiu foi Emma, o que roubou meu coração por “n” motivos é Persuasão – irei, em breve, para a terceira leitura. A abadia de Northanger também é espetacular e me deixou curiosíssima para conhecer a escritora inglesa Ann Radcliffe. Em Orgulho e Preconceito é fantástico ver uma mulher tão determinada, firme e inteligente quanto Elisabeth Bennet. Ela, como todas as heroínas de Jane não são mulheres frágeis ou débeis, são inteligentes, gostam de ler, não são desesperadas por casar por conveniência, etc.

O livro “As memórias Perdidas de Jane Austen”, escrito pela escritora Syrie James é uma narrativa que tenta retratar a vida desta escritora tão amada e conhecida pelo seu povo. Este livro também já o li duas vezes, a elegância e o uso do estilo de Jane Austen faz com que o leitor sinta como se estivesse lendo um livro autobiográfico. É emocionante e pra quem é fã é espetacular.

Termino esta pequena e singela homenagem com um trecho de uma das cartas que Jane escreveu à sua irmã Cassandra.

“É noite. Nós bebemos chá, e avancei muito no terceiro volume de Heroine. Não acho que declina. É deliciosamente burlesco, particularmente no estilo de Radcliffe. Henry está avançando em Mansfield Park. Ele admira H. Crawford: digo, como um homem inteligente e agradável. Conto a você todas as coisas boas que posso, pois sei o quanto gostará. Ouvimos dizer que Mr. Kean é mais admirado do que nunca. Não existem vagas para Drury Lane pela próxima quinzena, mas Henry pretende assegurar alguns lugares para o sábado seguinte a isso, quanto contamos com sua presença. Transmita meu amor à pequena Cass. Espero que ela tenha achado minha cama confortável na noite passada. Ainda não encontrei em Londres ninguém com um queixo tão grande quanto o de Dr. Syntax, ou alguém tão enorme quanto Gogmagolicus.

Afetuosamente sua,

J.Austen.”

(Fragmento do livro Uma memória de Jane Austen de James Edward Austen-Leigh)

Minha coleção

 

Quem acompanha o blog já deve ter conhecimento que sou fã da Jane Austen faz um tempão. Quem ainda não conhece recomendo assistir ao filme “Becoming Jane”, acho que procurar conhecer um pouco sobre sua história e o contexto em que ela vivia ajuda bastante na leitura de seus romances.

Eis aqui então a minha coleção de Jane Austen.

RAZÃO E SENSIBLIDADE

DSC03214.JPG

ORGULHO E PRECONCEITO

DSC03547

PERSUASÃO

DSC03544

EMMA

DSC03545

A ABADIA DE NORTHANGER

DSC03543

MANSFIELD PARK

Mansfield

PERSUASION

DSC03549

AS MEMÓRIAS PERDIDAS DE JANE AUSTEN

memoria de jane austen

 

UMA MEMÓRIA DE JANE AUSTEN

DSC03813

LADY SUSAN

lady susan

NOVELAS INACABADAS

CAM02158

JANE AUSTEN – UMA VIDA REVELADA

CAM01919 - Cópia

Bom, espero que tenham gostado de conhecer um pouco mais sobre essa minha fascinação literária.

Essa é a minha HOMENAGEM AOS 240 ANOS DE JANE AUSTEN

Happy JaneAusten day for everyone!

Um grande beijo

Afetuosamente

Laynne Cris

Anúncios

Sobre laynnecris

Sou Elaine C. Andrade. Hoje (2017) tenho 38 anos. Sou apaixonada pela leitura e por escrever. Sou formada em Pedagogia e pretendo me especializar em Inglês, alfabetização e gestão escolar. Tenho uma fascinação por músicas e Inglês. Atualmente tenho me dedicado muito na busca da fluência e sou professora alfabetizadora em Inglês. Minha meta é passar no exame da IELTS e talvez morar fora um tempinho. A leitura é para mim um meio muito prazeroso de poder atingir locais e lugares inimagináveis, além de ser uma terapia e uma fonte de conhecimento sem fim. E quando aprendemos nos proporcionar esses momentos para entretenimento, ler torna-se uma atividade necessária para o dia a dia. Também gosto de desenhar, colorir, ouvir músicas. No entanto, faço com menos frequência (só quando surge aquela vontade enorme ou sobra um tempinho). Agora ler nunca estou sem ler algo e onde vou tenho um livro comigo. Me sinto mal se não posso ler. É uma necessidade. Embora ultimamente tenho lido mais livros técnicos e materiais em Inglês. Nasci em Suzano e atualmente moro num bairro de Mogi das Cruzes e estou aprendendo a me adaptar por aqui. Também adoro participar de comunidades de leitura no facebook e canais literários do youtube. Conhecer pessoas, descobrir novos talentos e as vezes encontramos pessoas muito maravilhosas. Enfim, sou uma mulher e profissional comprometida e apaixonada pelo que faço, amo minha minha família e amigos mais que tudo neste mundo. "Que aonde eu passar eu faço amigos e possa agregar valores e aprender também". Laynne Cris
Esse post foi publicado em REFLEXÕES E TEXTOS e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

27 respostas para Jane Austen – 240 anos

  1. elaine reis disse:

    Adoro Jane Austen e suas mulheres fortes de caráter. Bela coleção, Laynne. Amei!!!

    Curtido por 1 pessoa

  2. elaine reis disse:

    Adoro Jane Austen e suas mulheres fortes de caráter. Bela coleção, Laynne. Amei!

    Curtido por 1 pessoa

  3. Intercâmbio e mais disse:

    Orgulho e preconceito ❤ Darcy ❤

    Curtido por 1 pessoa

  4. WLD disse:

    Eu não sei explicar, até hoje sempre estive para ler algo dessa espetacular escritora e nunca consigo. Não sei o que acontece. Preciso parar e mergulhar de vez. Até filme já assisti baseado na obra dela. Com a Keira. Que aliás é excelente. Parabéns pelo blog, muito interessante. Abraço.

    Curtido por 1 pessoa

    • laynnecris disse:

      Ler Jane Austen é uma experiência… Não é de primeira que se gosta… Eu gosto pela narrativa tão descritiva de sua época, pela construção de personagens tão realistas, pela ironia, pelo sarcasmo, por ela parecer tão contemporânea, mesmo ter vivido tão distante do nosso hoje… Acho que vai curtir! Recomendaria começar por Emma, que é um de seus romances mais divertidos, ou Abadia de Northanger… Persuasão é melancólico, ela o escreveu quando já estava doente, parece tão pessoal… Orgulho e Preconceito é muito mais falado e mais amado, acho que por causa do filme e pela figura do Sr. Darcy… Mas, também é uma excelente construção… eu sempre me divirto… Mas, eu já me viciei e leio e releio todos os romances…

      Abraços e obrigada pelo elogio!

      Curtido por 1 pessoa

      • WLD disse:

        Sugestão aceita. Lerei Emma, prometo voltar ainda e te dar um retorno, cara colega. Na Amazon no Kindle Unlimited dá pra ler de graça, inclusive. A tradução de Fabio Cyrino, não sei se você vai poder me ajudar, mas acha que é uma boa? Ótima tarde! E desculpa a amolação…

        Curtido por 1 pessoa

      • laynnecris disse:

        Oi, Caro colega… não conheço esse tradutor. O meu exemplar é da Martin Claret e a tradutora é Adriana Sales Zardini e é toda comentada… o que adoro, pois gosto de algumas explicações para palavras que não são mais usuais ou para expressões que desconheço…

        Imagine, não é amolação alguma…

        Curtido por 1 pessoa

  5. Você realmente adora esta autora em hehe. Eu quero muito ler “Orgulho e Preconceito” e se eu gostar, com certeza, lerei mais obras dela! Já ta aqui para eu ler nessas férias hehe.
    Amei o post Lay, cheio de livros e de amor ❤
    Beijão!

    Curtido por 1 pessoa

  6. Cris Campos disse:

    Acho que assisti Amor e Inocência umas cinco x… demais! Gostei imenso Lay!

    Curtir

  7. Monica T Maia disse:

    Nesse instante, estou vendo Orgulho e Preconceito pela 105ª vez…. hehehe…. a versão de Joe Wright, a que acho mais bela. Uma lindíssima história porque revela, num tempo em que tudo era subterfúgio, que temos que conversar conosco mesmos e com o outro sempre abrindo verdadeiramente o coração… Beijoss

    Curtido por 1 pessoa

  8. Tenho um ou dois livros dela, estão na fila dos que ainda não li, um inclusive, acho que comprei por indicação sua no Blog… Acho que vou adiantar o livro na fila kkkkk

    Curtido por 1 pessoa

  9. Lay, estou aqui me perguntando como não li ainda nenhum livro desta autora!
    Pelas suas palavras sinto que vou amar. *_*
    Pretendo colocar EMMA como minha próxima leitura.
    Parabéns pelo post, ficou excelente. 😉
    Bjuss, Luh.

    Curtido por 1 pessoa

  10. Kamylla Prado disse:

    Gosto muito de Emma e de Orgulho e Preconceito, mas devo confessar que deveria dar mais atenção à obra da Austen. Acabo que apenas segui alguns de seus livros e não conheço muito da autora.

    Beijos.
    Vidaemserie.com

    Curtido por 1 pessoa

    • laynnecris disse:

      Olha tenho certeza que vai gostar bastante. Ler Jane Austen é fazer um passeio ao final do século XVIII e início do XIX. Particularmente, adoro história. Gosto de ler algo que me transporte para o passado e a Jane é uma mestra neste quesito, isso sem falar da enorme presença dela em todas suas histórias e o brilhantismo de criar personagens cativantes e tão reais.

      Um grande beijo…

      P.s.: Desculpe a demora, só hoje pude ler os comentários.

      Vou visitar seu blog em breve… Bye

      Curtido por 1 pessoa

  11. Pingback: Os links mais bonitos da cidade | Rodízio Entretenimento

  12. Pingback: Links + bonitos da cidade | Rodízio Entretenimento

Sua opinião é muito importante para mim! :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s